Opinião, argumentação e persuasão no quadro de uma racionalidade sociológica – O «poder do discurso»

Autores

  • Antónia Barriga Universidade da Beira Interior

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.16(2009).1028

Palavras-chave:

Opinião, argumentação, persuasão, racionalidade argumentativa, racionalidade sociológica, media

Resumo

Este artigo pretende sinteticamente fazer uma revisão das perspectivas teóricas que têm abordado os conceitos «opinião», «argumentação» e «persuasão». Ele resulta da necessidade, sentida no contexto da elaboração da tese de doutoramento1, de problematizar e enquadrar teoricamente a «opinião tornada pública» pelos colunistas.É pretendendo não negar a existência das estratégias e mecanismos de persuasão e a sua importância, por um lado, e dando relevo ao que nos parecem os «limites» das principais perspectivas que a abordam, por outro, que entendemos ser conveniente revisitar as perspectivas teóricas que ao longo do tempo se centraram na persuasão, particularmente, os ângulos que a cruzam com o entendimento/valoração da opinião.É nossa intenção primordial situarmo-nos na pragmática sociológica que territorializa a linguagem, que indaga sobre o que funda a legitimidade ou a validade das acções comunicativas e intercompreensiva, sobre a legitimidade de quem fala, realçando a importância das variáveis e contextos de natureza e ordem mais social que linguística, mais sociológica do que argumentativa, mais mediática que racional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-12-31

Como Citar

Barriga, A. (2009). Opinião, argumentação e persuasão no quadro de uma racionalidade sociológica – O «poder do discurso». Comunicação E Sociedade, 16, 27-42. https://doi.org/10.17231/comsoc.16(2009).1028

Edição

Secção

Comunicação, argumentação e retórica