A experiência espacial dos games e outros medias: notas a partir de um modelo teórico analítico das representações do espaço

Autores

  • Suely Fragoso Departamento de Design e Expressão Gráfica, Faculdade de Arquitetura, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.27(2015).2097

Palavras-chave:

Representações espaciais, medias visuais

Resumo

O artigo aborda a experiência espacial dos games, relacionando-a à de outros produtos mediáticos. Uma breve revisão de alguns clássicos da literatura sobre o tema encaminha uma discussão das experiências espaciais da literatura, desenho, fotografia, cinema e televisão. Uma estrutura teórica composta por três ‘tipos de espaço’ é utilizada para analisar uma situação hipotética e simplificada de jogo. Conclui-se que a experiência espacial dos games é uma composição dinâmica que atravessa diferentes níveis de materialidade e significação. A viabilidade dessa prática interpretativa advém, entre outros fatores, da capacidade ficcional, uma construção cultural, desenvolvida ao longo de séculos de interação com as representações mediáticas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-06-29

Como Citar

Fragoso, S. (2015). A experiência espacial dos games e outros medias: notas a partir de um modelo teórico analítico das representações do espaço. Comunicação E Sociedade, 27, 195-212. https://doi.org/10.17231/comsoc.27(2015).2097

Edição

Secção

Comunicação, Teoria dos Videojogos e Diálogos (Inter)Mediáticos