O espaço da arquitetura e do urbanismo: uma componente sensível na compreensão das relações sociais da pós-modernidade

Autores

  • Julieta Leite Université Paris Descartes, Sorbonne

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.18(2010).993

Palavras-chave:

Espaço urbano, arquitetura, modernidade, pós-modernidade, tecnologias da informação e da comunicação

Resumo

Quaisquer que sejam as reações que inspiraram o emprego do termo “pós-moderno”, constatamos na arquitetura e no urbanismo do final dos anos 1960 uma clara utilização do termo para designar uma série de novas propostas estéticas em uma crítica oposição ao movimento moderno. No entanto, a acepção de pós-modernidade encontra diferentes significações e sua definição pela simples oposição aos paradigmas do modernismo é bastante polêmica, sobretudo nas ciências sociais. A intenção deste artigo é propor uma reflexão que conjugue esses dois campos de reflexão. Partimos de uma revisão do pensamento e das práticas da arquitetura e do urbanismo enquanto viés de compreensão da sociedade contemporânea onde se identifica uma valorização sensívelda componente espacial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-12-30

Como Citar

Leite, J. (2010). O espaço da arquitetura e do urbanismo: uma componente sensível na compreensão das relações sociais da pós-modernidade. Comunicação E Sociedade, 18, 149-156. https://doi.org/10.17231/comsoc.18(2010).993

Edição

Secção

Cidades, identidades e tribalismo