Debate, argumentação e organização enunciativa

Autores

  • Maria Aldina Marques ILCH – Universidade do Minho

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.8(2005).1181

Palavras-chave:

Argumentação, organização enunciativa, ethos, debate, persuasão

Resumo

O debate eleitoral é um discurso argumentativo polémico que, mais do que qualquer outro debate mediatizado, constitui um exercício de influência, orientado para aprofundar o desacordo com o seu adversário e simultaneamente persuadir o «auditório», levá-lo a agir de forma muito directa e precisa, num determinado momento. O discurso é, pois, essencialmente argumentativo. Tomando a argumentação como um processo discursivo dialógico por natureza e prototipicamente dialogal, todos os componentes do discurso participam na sua construção. Daremos centralidade aos protagonistas da interacção verbal a que as teorias da argumentação têm dado progressiva importância. A construção do ethos, ou imagens discursivas dos interlocutores que resulta da conjunção de diferentes planos, engloba como vector determinante as suas imagens prévias, ou ethos pré-discursivo, integrando o conhecimento doxal da comunidade, e disponíveis no momento da alocução. A análise de um debate permitirá ilustrar estas dimensões e acentuar a importância do ethos discursivo e pré-discursivo na construção do discurso persuasivo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2005-12-20

Como Citar

Marques, M. A. (2005). Debate, argumentação e organização enunciativa. Comunicação E Sociedade, 8, 47-62. https://doi.org/10.17231/comsoc.8(2005).1181

Edição

Secção

Comunicação estratégica no sector público