Mobilidade da rádio na era digital: interatividade, participação e partilha de conteúdos nas emissoras ibéricas

Autores

  • Teresa Piñeiro-Otero Universidade da Coruña, Espanha
  • Fábio Ribeiro Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.28(2015).2281

Palavras-chave:

Mobilidade, aplicações móveis na rádio, interatividade, participação, partilha de conteúdos

Resumo

No quadro da investigação científica sobre rádio, os últimos anos têm dado a conhecer inúmeras abordagens sobre o significado de uma post-radio (Oliveira & Portela, 2011), isto é, a definição de um conjunto de questões que se colocam à inclusão da rádio contemporânea em ambientes digitais e online. Esta migração digital tem vindo a proporcionar o desenvolvimento das aplicações móveis das rádios, como o alargamento das potencialidades comunicativas (Aguado, Feijoo & Martínez, 2013), de audiências, de convergência de conteúdos interativos entre ouvintes-utilizadores. Conscientes desta oportunidade, as principais emissoras da Espanha e Portugal alargaram o universo da radiofonia à plataforma móvel, com especial atenção aos telefones inteligentes, através do desenvolvimento de aplicações móveis (apps) (Cerezo, 2010). Os smartphones, como símbolo de uma cultura em permanente mutação, sugerem não apenas uma maior facilidade no acesso e interação, mas acrescentam grandes possibilidades para a difusão de conteúdos entre audiências, o que estudos têm designado por user distributed content (Villi, 2012). O presente artigo apresenta uma análise exploratória sobre as políticas atuais das principais rádios espanholas e portuguesas nas aplicações móveis, avaliando o grau de interação e participação mobilizado nessas plataformas. Durante a observação, conclui-se, entre outros dados, que a plataforma móvel representa um canal suplementar para a rádio tradicional FM, mais que um novo meio com linguagem e expressividade próprios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografias Autor

Teresa Piñeiro-Otero, Universidade da Coruña, Espanha

Professora e investigadora da Universidade da Corunha (Espanha). É Doutorada, desde 2009, em Comunicação pela Universidade de Vigo.

Fábio Ribeiro, Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Portugal

Investigador integrado e assistente de investigação no Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS) - Universidade do Minho. É doutorado desde 2013 em Ciências da Comunicação (grau europeu).

Downloads

Publicado

2015-12-28

Como Citar

Piñeiro-Otero, T., & Ribeiro, F. (2015). Mobilidade da rádio na era digital: interatividade, participação e partilha de conteúdos nas emissoras ibéricas. Comunicação E Sociedade, 28, 271-289. https://doi.org/10.17231/comsoc.28(2015).2281

Edição

Secção

Mobilidades, Culturas e Universos Tecnológicos