Biografias de aprendizagem num espaço europeu de mediação social

  • Rob Evans Otto-von-Guericke-Universität Magdeburg
Palavras-chave: Entrevista biográfico-narrativa, construção de sentido, co-construção, biograficidade, savoir-vivre, mediação

Resumo

Dentro da estrutura de um projeto Erasmus+ europeu, foram entrevistados mediadores estagiários sobre a sua experiência. Os contactos realizaram-se através de entrevistas não estruturadas, biográfico-narrativas qualitativamente profundas, nas quais indivíduos comprometidos com a interação dialógica criaram um entendimento partilhado, dando significado às suas histórias. Trata-se de entrevistas interativas, co-construídas. O detalhe da linguagem da entrevista documenta como a construção do significado ocorre, e como esta é afetada por motivos de pertença a determinados grupos, por discursos sobre etnias e culturas, assim como pelo género, idade, relações profissionais e educacionais, entre outros. A entrevista é sensível aos recursos da linguagem e aos seus usos na co-construção do significado. Este artigo, usando excertos de uma narrativa biográfica, mostra que a forma falante destas narrativas da aprendizagem biográfica dos mediadores pode oferecer uma visão do processo do conhecimento despoletado pela aprendizagem em comunidades de práticas, e que a criação de um espaço comum de experiência pode ser ouvido na conversa biográfica. Os recursos biográficos, a biograficidade e a sua relação com a linguagem e sociedade são considerados e, nas narrativas da entrevista podem ser observadas, ouvidas e partilhadas a criação de um espaço de aprendizagem, um espaço para o desenvolvimento e a revelação de noções e práticas de mediação.

Downloads

Dados de Download não estão ainda disponíveis.
Publicado
2019-05-28
Como Citar
Evans, R. (2019). Biografias de aprendizagem num espaço europeu de mediação social. Comunicação E Sociedade, 53-70. https://doi.org/10.17231/comsoc.0(2019).3060