Modernidade, sociedade civil e revolução

Autores

  • Patrick Tacussel Universidade Paul Valéry, Montpellier III

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.18(2010).980

Palavras-chave:

modernidade, filosofias da história, sociedade civil, vínculo social

Resumo

Na modernidade, que corresponde aos desígnios das filosofias da história, o vínculo social é definido pela relação entre o Estado e a sociedade civil. O vínculo social,legitimado por dispositivos discursivos e institucionais, é encarado no quadro de uma sociedade civil regida pelo Estado e no sentido de uma mediação entre a esfera pública e a esfera privada. O pós-moderno começa precisamente com o desmoronamento das teorias progressistas do positivismo e do materialismo histórico que entendiam regular e equilibrar as relações entre o Estado e a sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-12-30

Como Citar

Tacussel, P. (2010). Modernidade, sociedade civil e revolução. Comunicação E Sociedade, 18, 13-20. https://doi.org/10.17231/comsoc.18(2010).980

Edição

Secção

Modernidade, pós-modernidade e imaginário