Contributo para a discussão sobre um novo conceito de museu através da análise de diversos casos de estudo

Autores

  • Daniel Brandão Universidade do Porto
  • Heitor Alvelos Universidade do Porto
  • Nuno Duarte Martins Universidade do Porto

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.22(2012).1276

Resumo

Neste mundo interconectado em que vivemos, em que os media digitais são cada vez mais universais, sociais, omnipresentes e baratos; em que cada indivíduo já não depende das organi- zações para estruturar a sua participação nem para comunicar com os demais; em que os consu- midores se tornaram produtores e a notoriedade dos amadores se sobrepõe, em muitos casos, à reputação dos profissionais, qual será o papel a desempenhar pelas instituições? Como é que estas poderão tirar partido do fluxo de comunicação que ocorre directamente entre os membros da rede?

Partindo da análise de diversos casos de referência, no presente artigo, pretendemos lan- çar e contribuir para a discussão sobre um novo conceito de museu, construído colectivamente, que emerge da proliferação das novas ferramentas de produção e partilha de conteúdos e do enraizamento dos meios de comunicação em rede que muitos utilizam para documentar frag- mentos dos seus quotidianos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-12-15

Como Citar

Brandão, D., Alvelos, H., & Martins, N. D. (2012). Contributo para a discussão sobre um novo conceito de museu através da análise de diversos casos de estudo. Comunicação E Sociedade, 22, 96-108. https://doi.org/10.17231/comsoc.22(2012).1276

Edição

Secção

Criatividade em Rede