O vasto e tenaz império da retórica na idealização, materialização e análise das mensagens publicitárias

Autores

  • Enrique Castelló Mayo Facultade de Ciencias da Comunicación, Universidade de Santiago de Compostela

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.16(2009).1029

Palavras-chave:

Retórica, publicidade, semiótica, mensagem, anúncio

Resumo

A retórica, uma disciplina com mais de vinte e cinto séculos de antiguidade, e a mensagem publicitária mais actual partilham do mesmo objectivo: a persuasão de um target determinado. Por ele, o «vasto e tenaz império da Retórica» (como foi definido por Roland Barthes) constitui um magnífico recurso na concepção, produção e inclusivamente análise das mensagens publicitárias. Não devemos esquecer que o objectivo de uma boa mensagem retórica não se limita à simples persuasão, mas também aspira a que a argumentação se integre num inatingível contexto: a Cultura. Muito menos o verdadeiro objectivo de uma boa mensagem publicitária se limita à informação comercial de certo produto, pois também aspira a que o objecto e a marca se incorporem na consciência social de uma determinada cultura de massas: uma consciência que a publicidade serve e que, ao mesmo tempo, gera e fomenta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##submission.downloads##

Publicado

2012-10-31

Como Citar

Mayo, E. C. (2012). O vasto e tenaz império da retórica na idealização, materialização e análise das mensagens publicitárias. Comunicação E Sociedade, 16, 43-50. https://doi.org/10.17231/comsoc.16(2009).1029

Edição

Secção

Comunicação, argumentação e retórica