A saúde em notícia entre 2008 e 2010: retratos do que a imprensa portuguesa mostrou

Autores

  • Felisbela Lopes Centro de Estudos Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Braga
  • Teresa Ruão Centro de Estudos Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Braga
  • Sandra Marinho Centro de Estudos Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Braga
  • Rita Araújo Centro de Estudos Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Braga

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.23(2012).1361

Palavras-chave:

Comunicação em saúde, jornalismo, imprensa, tematização, fontes de informação

Resumo

A saúde é um campo que tem merecido um progressivo cuidado da comunicação. Os seus promotores já perceberam que há aí uma dimensão comunicativa a que importa atender, e os jornalistas sabem que os seus públicos concedem particular atenção a esta temática. Ora, neste contexto, importa conhecer como é que este campo se vem tornando cada vez mais notícia. Neste artigo estuda-se a mediatização da saúde feita em três jornais portugueses (Expresso, Público e Jornal de Notícias) publicados entre 2008 e 2010, o que implica a análise de 4415 artigos noticiosos. Quisemos, comeste trabalho, conhecer os temas e os protagonistas da informação, as doenças mais noticiadas, a geografia dos acontecimentos, o género jornalístico mais comum e as imprecisões encontradas nos conteúdos informativos. O resultado é uma visão panorâmica da informação jornalística sobre a saúde em Portugal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia Autor

Felisbela Lopes, Centro de Estudos Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Braga

CECS

##submission.downloads##

Publicado

2013-01-10

Como Citar

Lopes, F., Ruão, T., Marinho, S., & Araújo, R. (2013). A saúde em notícia entre 2008 e 2010: retratos do que a imprensa portuguesa mostrou. Comunicação E Sociedade, 129-170. https://doi.org/10.17231/comsoc.23(2012).1361

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 > >>