A web-rádio como business

Autores

  • Nair Prata Universidade Federal de Ouro Preto
  • Henrique Cordeiro Martins Universidade Fundação Mineira de Educação e Cultura - FUMEC, Belo Horizonte

DOI:

https://doi.org/10.17231/comsoc.20(2011).887

Palavras-chave:

web-rádio, business, modelo de negócio

Resumo

Há dezasseis anos entrou em funcionamento a primeira web-rádio de que se tem notícia. A Rádio Klif, no Texas, EUA, foi a primeira emissora comercial a transmitir de forma contínua e ao vivo através da Internet, a partir de setembro de 1995. Durante este tempo, foram feitos vários estudos acerca dessa nova modalidade de transmissão radiofônica; no entanto, algumas perguntas ainda não têm resposta precisa: A web-rádio é um negócio lucrativo? Web-rádio dá dinheiro? A pulverização das web-rádios pulveriza também os investimentos publicitários? O objetivo deste artigo é sistematizar argumentos teóricos e empíricos sobre a web-rádio e o business e, a partir de pesquisa realizada na web-rádio brasileira Pelo Mundo, entender como se configuram as formas de lucratividade pela radiofonia na web.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-12-09

Como Citar

Prata, N., & Martins, H. C. (2011). A web-rádio como business. Comunicação E Sociedade, 20, 129-140. https://doi.org/10.17231/comsoc.20(2011).887

Edição

Secção

Adaptar o negócio