O ritual da comunicação e o ritual do consumo: novas tribos, novos rituais

  • Susana Silva Universidade Fernando Pessoa, Porto
  • Andreia Galhardo Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Fernando Pessoa, Porto
  • Rui Torres Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Fernando Pessoa, Porto
Palavras-chave: comunicação, consumo, publicidade, significado

Resumo

Este artigo aborda a condição dos objectos enquanto signos produzidos pelodiscurso publicitário, promovendo uma reflexão sobre as relações que se estabelecementre comunicação, consumo e publicidade. Nas sociedades contemporâneas, os objectosexcedem as suas características funcionais para se revestirem de tecido simbólico,transportando significados e valores que se projectam nas relações sociais e na ideologiaque orienta a actuação do indivíduo no mundo. Alargada e adaptada aos mais diferentessuportes desta cultura mediática, a publicidade equipara-se a uma forma de religiãoperante as novas tribos do consumo, elevando meros produtos a objectos mágicos etransformando rituais de aquisição em rituais de comunicação. Neste jogo simbólico,os objectos surgem plenos de valor identitário, representando socialmente o indivíduo ecolocando-o perante as múltiplas imagens do consumo e de si mesmo.

Downloads

Dados de Download não estão ainda disponíveis.
Publicado
2011-10-09
Como Citar
Silva, S., Galhardo, A., & Torres, R. (2011). O ritual da comunicação e o ritual do consumo: novas tribos, novos rituais. Comunicação E Sociedade, 19, 301-315. https://doi.org/10.17231/comsoc.19(2011).913
Secção
Das práticas aos discursos: usos e representações