[1]
A. J. P. de la Maza, O poder expressivo da teoria dos mundos possíveis nos videojogos: quando as narrações se convertem em espaços interactivos e fictícios, revistacomsoc, vol. 27, pp. 273-287, Jun. 2015.